BIOLOGICUS FORUM

Forum de Estudantes de Biologia da Universidade do Porto


Começa hoje simpósio Harvard Medical School - Portugal

Compartilhe
avatar
Varicela

Número de Mensagens : 853

Começa hoje simpósio Harvard Medical School - Portugal

Mensagem por Varicela em Seg 14 Dez 2009, 22:17

http://dn.sapo.pt/inicio/ciencia/interior.aspx?content_id=1447102&seccao=Sa%FAde

Ciência

por LusaHoje

O primeiro simpósio Harvard Medical School - Portugal começa hoje em Lisboa para mostrar os mais recentes avanços da investigação em áreas da medicina como o cancro, a sida, a diabetes ou as doenças epidémicas.

O simpósio decorre entre hoje e terça-feira, em Lisboa, e enquadra-se num protocolo assinado, no final de Maio, entre o Governo português e a Universidade de Harvard, no valor de 42 milhões de euros, com o objectivo de reforçar em Portugal a investigação clínica e a transferência de conhecimento cientifico.

O programa de colaboração inclui concursos anuais para a selecção de novos projectos de investigação clínica, um programa de pós-graduações para profissionais em princípio de carreira ou com carreira confirmada e outro para estimular a produção e publicação de informação médica junto dos profissionais do sector, estudantes de medicina e população em geral.

Contactada pela agência Lusa, a directora do programa em Portugal explicou que o simpósio pretende mostrar as novidades alcançadas ao nível da investigação "em áreas tão importantes para a medicina" como o cancro, a sida, a diabetes, a malária, as doenças relacionadas com o envelhecimento ou as ameaças epidémicas.

"Os critérios foram os temas em que a investigação está a trazer grandes desenvolvimentos, com aplicação directa na clínica. Não houve uma escolha temática, mas estamos a cobrir vários temas porque queremos de facto mostrar de uma forma global o grande contributo que a ciência está a trazer à medicina", explicou a professora Maria Carmo-Fonseca.

Dentro das ameaças epidémicas, a gripe A (H1N1) fica de fora.

"Foi uma opção que nem sequer foi ponderada, porque a Gripe A, como é algo muito emergente, não temos ainda nenhum contributo, forte, inovador, nenhuma novidade relativamente a tudo o que já está a ser divulgado. Como não podíamos trazer nenhuma novidade, achámos que não se justificava estar a falar", revelou a responsável.

O simpósio é constituído por oito conferências temáticas que, para além dos acima referidos, toca os temas da biomedicina, imunologia, neurociências ou doenças infecciosas, mas, tal como explicou Maria Carmo-Fonseca, as grandes novidades dessas áreas só serão reveladas durante os dias do simpósio porque os investigadores preferem manter a informação "em segredo".

Os oradores escolhidos, nacionais e estrangeiros, são "os mais avançados" em cada uma das suas áreas de especialidade, acrescentou.

O acesso ao simpósio, que decorre no Pequeno Auditório do Centro Cultural de Belém, é aberto a todos e não só à comunidade médica e cientifica e, no final, toda a informação, depois de gravada, ficará disponível no sitio da Internet do programa Harvard Medical School - Portugal, www.hmsportugal.org, "numa linguagem acessível a toda a população", garantiu Maria Carmo-Fonseca.

Os simpósios vão ter uma periodicidade anual e em cada ano serão realizados numa cidade diferente de Portugal, sendo que o local para 2010 será decidido durante o simpósio da próxima semana.

Maria Carmo-Fonseca adiantou ainda que estão já 300 pessoas inscritas, principalmente jovens médicos e estudantes de medicina, fenómeno explicado por serem estes quem normalmente têm mais vontade de experimentar uma internacionalização e de contactar com outras realidades de excelência

    Data/hora atual: Sab 22 Jul 2017, 11:56