BIOLOGICUS FORUM

Forum de Estudantes de Biologia da Universidade do Porto


Encontrado o " Caçador Corcunda"

Compartilhe
avatar
Varicela

Número de Mensagens : 853
13092010

Encontrado o " Caçador Corcunda"

Mensagem por Varicela

http://naturlink.sapo.pt/article.aspx?menuid=20&cid=24012&bl=1

Encontrado o " Caçador Corcunda"

Foi descoberto na Península Ibérica um fóssil de dinossauro com características únicas nunca antes encontradas.

É raro encontrar nas publicações científicas descobertas de grandes dinossauros carnívoros na Europa, principalmente na Península Ibérica. Estas descobertas são quase sempre associadas à Argentina, China ou EUA. No entanto, em certas ocasiões a sorte ou a perseverança dos investigadores dá lugar a alegrias inesperadas. Foram encontrados restos fósseis de um dinossauro carnívoro (terópodes) com 125 milhões de anos, com 6 metros de comprimento e uma corcunda proeminente.

Trata-se do primeiro dinossauro que apresenta uma estrutura deste tipo, segundo escrevem os autores de um artigo publicado na revista Nature. “As duas últimas vértebras à frente da pelve são projectadas sobre o dorso do animal como um ponto”, disse Francisco Ortega, investigador e principal autor deste trabalho.

O nome científico com que os investigadores baptizaram este dinossauro relaciona-se com as peculiaridades do animal: “Concavenator corcovatus”, Caçador Corcunda. “Uma estrutura destas tem que ter alguma função, mas até agora não existem provas científicas que demonstrem alguma hipótese”, diz Ortega.

O Professor Catedrático de Paleontologia da Universidade Autónoma de Madrid, José Luiz Sanz, diz que podem existir muitas explicações que justifiquem a presença da corcunda. “Descobrimos que estes animais têm umas patas proporcionalmente pequenas tendo assim uma locomoção peculiar e a corcunda poderia ser um contrapeso. Mas passa apenas por uma ideia louca”, afirma Sanz. Uma das opções mais plausíveis é que se tratava de uma característica ornamental para atrair as fêmeas.

Para além da misteriosa corcunda, o Concavenator apresenta outra característica que pode revolucionar o campo da paleontologia do Cretáceo (entre 145 e 65 milhões de anos). Em muitas aves actuais, a extremidade traseira de um dos ossos do antebraço, o cúbito, tem pequenos orifícios que servem para a inserção das penas maiores. Esta característica também foi reconhecida nalguns dinossauros de pequeno tamanho e aparentados com as aves. Mas a sua presença encontrada neste dinossauro, muito mais primitivo que os seus parentes com penas, mostra que já existia uma estrutura ancestral das penas em espécies anteriores.

Fonte: http://www.elmundo.es

Leituras adicionais

Serão as aves dinossauros?


Na pegada dos Dinossauros
Compartilhar este artigo em: BookmarksDiggRedditDel.icio.usGoogleLiveSlashdotNetscapeTechnoratiStumbleUponNewsvineFurlYahoo!Smarking


    Data/hora atual: Sex 21 Jul 2017, 11:45